• Redação Nacional

Simões Filho: Em carreata, empresários saem em defesa da reabertura do comércio, fato histórico




Simões Filho: Município da RMS - Região Metropolitana de Salvador, desde o anúncio das primeiras medidas restritivas, diante do quadro causado pela pandemia, causada pelo Coronavírus, o setor mais penalizado pelo alcance das decisões do prefeito Diógenes Tolentino Oliveira - Dinha - MDB, foi o Comércio e os Prestadores de Serviços.


Segundo, informações, em Junho seria realizada uma carreata, porém o movimento foi abortado, após o prefeito Dinha, ter garantido em reunião com empresários que haveria a flexibilização, em prol da retomada, à época,m gradativa do comércio à partir do dia 21 de Junho, mais uma vez a promessa apalavrada, ainda segundo os empresários, não foi cumprida pelo líder do executivo de Simões FIlho.


NO LIMITE, EMPRESÁRIO SAEM EM CARREATA


Na manhã de hoje, (21), os empresários decidiram protestar, pacificamente, ao promover uma Carreata anunciando que o "Comércio de Simões Filho está de LUTO....!!"


Tratou-se, segundo vários participantes, da única maneira encontrada pelos empresários para chamar atenção, da sociedade como um todo da gravidade do problema.

Até o momento o governo comandado por DINHA, não l evou à sério nossas reivindicações. Estamos paralisados, impedidos de trabalhar à mais de 120 dias, vários negócios fecharam, são centenas de demissões, a falta de planejamento e organização, não deixam nenhuma expectativa de reabertura, os fiscais impedem que as lojas funcionem, mesmo obedecendo todos os protocolos de segurança, higiene e proteção dos clientes e funcionários.


BOLETIM EPIDEMIOLÓGICO


Mesmo com a restrtição de funcionamento do comércio os números da pandemia não foram controlados, beneficiando unicamente as grande lojas atacadistas, e sufocando, toda cadeia comercial da cidade, uma ação que os empresários dizem não concordar.


Empresários, na concentração, na preparação para iniciar a carreata protesto.


SEDEC x ACOSIF


"O Secretário de Desenvolvimento Econômico - Alan Lima, em nenhuma oportunidade lutou pela reabertura do comércio, não apresentou nenhum plano de contingência, ao contrário todas as promessas feitas, em diversas reuniões, o governo Dinha, não cumpriu pára com a categoria, em várias oportunidades fomos tratados com falta de seriedade, nos contatos com o governo do Estado, não fomos convidados para apresentarmos nossas reivindicações e até mesmo, ajudar na elaboração do protocolo de reabertura gradual...." disse ao Redação Nacional - Kleber Mota - Presidente em Exercício da ACOSIF - Associação Comercial e Industrial de Simões Filho;


Assistam, vídeos, gravados em diversos momentos do protesto:


Em frente à Câmara Municipal de Vereadores, os empresários são recebido pelo Vereador Eri Costa, e fica evidente a tensão e descontentamento da classe com a forma de tratamento dispensada pelo governo Dinha, percebe-se várias reclamações sobre a falta de planejamento em relação ás questões em prol do setor comercial.




Em tempo: Informações extra-oficiais, dão conta que acontecerá, mais uma, reunião, entre prefeito Dinha - MDB e uma comissão de empresários lidewrados por Nilton Novaes, para rediscutir as condições de reabertura do comércio.



Fonte: :Redação Nacional, as informações, imagens e vídeos, foram encaminhados pelos empresários que participaram do protesto. Redação Nacional, compromisso com a verdade.


"O jornalismo tem o papel de informar, de esclarecer, de contar a verdade e trazer luz para o que, muitas vezes, está no escuro.

Esse é o trabalho de um jornalista e a missão do Redação Nacional.


Mas para isso, nós precisamos de você e do seu apoio, pois juntos nós podemos, através de matérias iguais a essa que você acabou de ler, buscar as transformações que tanto

queremos."


Copyright © 2019, Redação Nacional. Todos os direitos reservado

324 visualizações0 comentário